*Feliz 2016! Câmera do Vale - Notícias do RN: Em redes sociais, assuenses são aconselhados por parentes a não saírem de casa a noite

(CâmeraTv) Suas tardes de sábado com muita animação - SÁBADO SHOW

domingo, 31 de julho de 2016

Em redes sociais, assuenses são aconselhados por parentes a não saírem de casa a noite

"Nunca imaginei que a próxima vítima seria eu", desabafa dono de veículo incendiado
 
13668837_10209592150985760_6080348770504926470_o
Veículo incendiado (Foto: Rádio Princesa do Vale)
Seguindo a presente onda de vandalismo orquestrada pela facção criminosa "Sindicado do Crime", na madrugada deste domingo, 31, um micro-ônibus foi incendiado no município do Assú.

O veículo estava estacionado no pátio de uma oficina localizada no bairro Vista Bela, nas imediações da caixa d´água do bairro COHAB. O micro-ônibus ficou resumido a cinzas e ferro retorcido pelas chamas.

Veículos escoltados

Temendo que outros veículos virem alvos de "incendiários do crime", a frota de ônibus da Prefeitura Municipal do Assú, que estava estacionada no pátio do Centro Administrativo da prefeitura, foram escoltados pela polícia para o quadrante interno do 10º Batalhão de Polícia Militar, até última ordem do comandante Major Assis em conjunto com o município.

Líder do Sindicato do Crime é preso

A força-tarefa da Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), com apoio da Polícia Civil, prendeu na tarde deste domingo (31), João Maria dos Santos de Oliveira, 32 anos, mais conhecido como “João Mago”, um dos líderes da facção criminosa Sindicato do Crime do RN.

A prisão foi realizada em um condomínio residencial no bairro de Nova Parnamirim, Parnamirim. Na casa do criminoso, já condenado pela Justiça por diversos crimes, a polícia apreendeu R$ 300 mil em espécie, tabletes de crack e celulares.

Medo toma conta de assuenses

O sentimento de total insegurança tomou conta dos assuenses neste domingo. Nas redes o assunto predominante nas postagens é sobre os últimos acontecimentos no estado e em Assú. Parentes de assuenses que estão em outros estados buscam informações sobre esta situação, acompanhando as últimas notícias e orientando familiares a não saírem de casa, principalmente a noite. "Minha tia que mora em São Paulo já me ligou várias vezes querendo saber se houve mais ataques em Assú e dizendo que não é para a gente sair de casa a noite", relata uma moradora do bairro Frutilândia.